Exposição Erwin Blumenfeld

Erwin-Blumenfeldcapa

Em cartaz no Museu de Arte Brasileira (MAB) da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), em São Paulo, até o dia 18 de janeiro, a exposição “Blumenfeld Studio: New York 1941 – 1960”, A exposição é uma retrospectiva inédita do fotógrafo alemão, um dos mais influentes do século 20.

vogue

A carreira de Blumenfeld no universo fashion teve início em 1936, quando ele se mudou de Amsterdã para Paris. Seu trabalho em publicações francesas do final dos anos 1930 chamou a atenção do britânico Cecil Beaton, que facilitou seu caminho para entrar no time da “Vogue” francesa onde trabalhou por 15 anos em parceria com Alexander Liberman, e publicou 50 capas que o tornaram famoso. Além da Vogue, Blumenfeld também foi correspondente da Harper’s Bazaar, Cosmopolitan e Life magazine.

erwin

Erwin-Blumenfeld-Studio-BLOGAZINE-031

 

 

Blumenfeld Studio: New York 1941 – 1960
MAB-FAAP – Rua Alagoas, 903, Prédio 1, Higienópolis
Até 18 de janeiro de 2015
De terça a sexta-feira, das 10h às 20h; aos sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h (fechado às segundas-feiras, inclusive feriados)
Entrada Gratuita

 

Ron Mueck e suas esculturas incríveis

Captura de Tela 2014-11-21 às 11.11.07

Em cartaz na Pinacoteca do Estado, a exposição do artista Ron Mueck.

Uma exposição de Ron Mueck é um evento incomum e fez sucesso por onde passou, Japão, Austrália, Nova Zelândia, México, Buenos Aires e Rio de Janeiro. Mueck trabalha lentamente seu pequeno estúdio no norte de Londres, onde o tempo é um importante elemento para o seu processo criativo. O detalhe de suas figuras humanas é meticuloso, com mudanças surpreendentes de escala que estão longe do realismo acadêmico, hiper-realismo ou da pop art. Suas obras não descrevem pessoas reais ou situações, mas a obsessão com a verdade falada de um artista que busca a perfeição e é extremamente sensível com a forma e a matéria. Empurrando a verossimilidade ao limite, Mueck cria obras secretas, meditativas e fascinantes. Uma mãe com seu filho, casais jovens ou adultos que variam entre estados de tensão e calma e um homem nu em um barco à deriva, são algumas das imagens que fazem parte da exposição. Obras que encerram uma interioridade vital e profunda, capazes ao mesmo tempo de expressar a perfeição técnica do artista e sua obsessão com a verdade.

rs_500x666-141103050106-COL-MUE-5140

Dentre as obras apresentadas, Still Life (Natureza morta, 2009) faz parte da tradição clássica do gênero, Woman with sticks (Mulher com galhos, 2008) se inclina para trás em um feixe de lenha e nos lembra contos de bruxas. Drift (A deriva, 2009) e Youth (Juventude, 2009) parecem inspirados por manchetes, mas também evocam obras passadas. Outras esculturas de Ron Mueck, como o jovem casal, 2013, Mulher com as compras, 2013 e Casal debaixo do guarda-sol, 2013, completam a mostra.

o-assistente-do-escultor-ron-mueck-charlie-clarke-faz-os-ultimos-retoques-na-obra-couple-under-a-umbrella-2013-em-exibicao-no-mam-rio-a-partir-de-20-de-marco-de-2014-1395165058880_956x500

O artista que não gosta de comparecer nas aberturas de suas exposições, nem de sair em fotos, criou uma escultura com sua própria cabeça descansando, o grande auto-retrato adormecido Mask II (Máscara II, 2002) um dos destaques da exposição.

mask_ii_-_ron_mueck

Exposição Ron Mueck

Pinacoteca do Estado de São Paulo
Onde: Praça da Luz, 2, São Paulo (SP)
Quando: A partir de quinta-feira (20) até 22 de fevereiro, de terça-feira a domingo, das 10h às 17h30 (às quintas, até as 22h)

Ingressos R$ 6,00
Mais informações: (11) 3324-1000 ou http://www.pinacoteca.org.br

 

Exposição: Salvador Dalí no Tomie Ohtake

Captura de Tela 2014-11-13 às 11.21.24

Sendo uma das maiores retrospectivas artísticas já feitas no país, o Instituto Tomie Ohtake trás a Exposição de Salvador Dalí. A exposição conta com mais de 200 obras do mestre do surrealismo, e convida o público a mergulhar em universo místico e fantasioso.

Captura de Tela 2014-11-13 às 11.19.41

A exposição chega à capital paulista com cinco novas obras provenientes da Fundação Gala-Salvador Dalí e outras duas do Museu Reina Sofia, instituições detentoras de 90% dos trabalhos expostos. As obras que foram incluídas substituem alguns dos trabalhos da coleção do Museu Salvador Dalí, da Flórida, nos Estados Unidos.

Captura de Tela 2014-11-13 às 11.19.26

cb999fab069c7fff20c4befef50ef5b62db3cc15

 

foto2salvador

Salvador Dalí 
De 19 de outubro de 2014 a 11 de janeiro de 2015
De terça a domingo, das 11h às 20h
Instituto Tomie Ohtake – Avenida Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88), Pinheiros
Estação Faria Lima/Linha 4 (amarela)
(11) 2245-1900

Entrada gratuita

As invenções de Leonardo da Vinci em São Paulo

leonardo

A Galeria de Arte do Sesi-SP recebe “Leonardo da Vinci, a Natureza da Invenção“, que faz um passeio por todo caráter inventivo do renascentista Leonardo da Vinci (1452 – 1519), trazendo objetos como o para-quedas, a catapulta e o parafuso aéreo (futuro helicóptero).

Leonardo_da_Vinci_a_Natureza_da_Invencao_8-910x874

Leonardo_da_Vinci_a_Natureza_da_Invencao_2-910x605

Pela primeira vez na América Latina, mostra reúne mais de 40 objetos produzidos para a celebração do quinto centenário de nascimento do artista.

Leonardo_da_Vinci_a_Natureza_da_Invencao_7-910x606

Exposição em Paris

Os projetos foram produzidos por pesquisadores e engenheiros, em 1952, para a celebração do quinto centenário de nascimento de Leonardo da Vinci (1452-1519). As peças foram apresentadas ao público em 1953 e ainda podem ser vistas no MUST, espaço que reúne a maior e mais antiga coleção de modelos e estudos históricos sobre Leonardo, com base em seus desenhos e códigos.

Antes do Brasil, a mostra já passou por Paris e Munique.

Leonardo_da_Vinci_a_Natureza_da_Invencao_4-910x606

Exposição em Paris

Local: Galeria de Arte do Sesi-SP, no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso (av. Paulista, 1.313, em frente à estação Trianon-Masp do Metrô)

De 11 de novembro a 10 de maio de 2015, diariamente, das 10h às 20h.

Entrada Gratuita

Informações: (11) 3146-7405 e 7406

 

(fonte: Catraca Livre, www.sesisp.org.br)

 

Exposição: Castelo Rá-Tim-Bum, no MIS.

 

exposição-castelo-ra-tim-bum-modaworks

O MIS apresenta a mostra Castelo-Rá-Tim-Bum – A exposição, uma homenagem ao programa infantil da TV Cultura que em 2014 completa 20 anos do início de sua veiculação.

Concebida pela equipe do Museu da Imagem e do Som com apoio da TV Cultura/Fundação Padre Anchieta, a mostra é um tributo ao programa que é considerado um dos melhores produtos audiovisuais da história da televisão brasileira.

A exposição, que ocupará o primeiro e o segundo andares do Museu, é dividida em duas partes. Em uma delas, os visitantes irão conferir peças do acervo, muitas delas recuperadas e restauradas pelo MIS, como objetos de cena, fotografias, figurinos dos personagens e trechos do programa que até hoje são hit, como Lavar as mãos, música de Arnaldo Antunes. Depoimentos gravados pelos atores do elenco original especialmente para a exposição complementam esta parte. Em outra, uma experiência lúdica espera os visitantes, que poderão literalmente entrar no Castelo. Para tanto, mais de dez ambientes, como o saguão e a biblioteca, serão recriados. O público também poderá ver de perto bonecos originais, como o Gato Pintado, o monstro Mau, a cobra Celeste e as botas Tap e Flap.

castelo

castelo3

castelo1

castelo4

Programação paralela
Para completar a exposição, o MIS preparou uma programação paralela especial. Nos finais de semana, serão apresentados espetáculos com alguns dos principais atores do elenco, como Rosi Campos (Morgana) e Angela Dip (Penélope). O Núcleo Educativo do Museu oferecerá uma série de oficinas artísticas gratuitas voltadas para o público geral e professores. O MIS também apresenta cursos relacionados ao Castelo, entre eles está Stop Motion: Ratinho Castelo Rá-Tim-Bum (13 de agosto a 5 de setembro), que levará o participante a conhecer a clássica técnica de animação: a massinha.

Castelo Rá-Tim-Bum – A exposição
exposição
16jul a 12out2014
Terças a sextas das 12:00 às 21:00
Sábados das 10:00 às 22:00
Domingos e feriado das 10:00 às 20:00

Ingressos na bilheteria do Museu
R$ 10 (inteira), R$ 5 (meia). Gratuito às terças e para menores de cinco anos

(fonte: http://www.mis-sp.org.br/)

 

 

 

 

Exposição: Cores do Brasil

exposição-cores-do-brasil-modaworks-02

A Oca recebe de 3 de julho a 2 de agosto a exposição “Cores do Brasil” da dupla de designers Bruno Basso e Christopher Brooke que junto com jovens da periferia produziu estampas geniais. A curadoria é de André Stolarski e Tuca Vieira. Já a cenografia é de Marko Brajovic, que destaca um livro de 5 metros de altura e 10 metros de comprimento formado por sete capítulos que trazem algumas das fotografias feitas pelos jovens participantes do projeto. Entrada gratuita.

Vista Geral Cores do Brasil - b

 

Exposição ‘Cores do Brasil’ (entrada franca)
Data e horário: de terça a domingo, das 9h às 17h (de 3/07 a 2/08)
Sobre a Oca, vide: Oca Ibirapuera

(fonte: http://www.parqueibirapuera.org/exposicao-das-cores-na-oca/)

 

Exposição: Yayoi Kusama-Obsessão infinita

Picture 8

Obsessão infinita, de Yayoi Kusama, chega a São Paulo depois de passar por Rio de Janeiro e Brasília, acrescida de duas obras especialmente trazidas para a exposição no Instituto Tomie Ohtake. São grandes esculturas das séries Accumulations: Sem título, 1962-1963 e Desire for Death (Desejo de morte), 1975-1976.

Com curadoria de Philip Larratt-Smith e Frances Morris, a exposição reúne pinturas, esculturas, vídeos, trabalhos em papel e grandes instalações de Yayoi Kusama, oferecendo um extenso panorama do trabalho de uma das artistas mais inventivas do pós-guerra.

Yayoi-Kusama-Abre

 

A Artista ficou conhecida por colocar em roupas, vídeos, esculturas e pinturas as cores e formatos que enxergava durante suas viagens psicodélicas. Principalmente as bolinhas!

yayoi-3

Essa obsessão é também representativa de sua percepção e sensibilidade subjetivas. As redes de pontos, os padrões ritmados, as iterações e espelhamentos desvendam a maneira peculiar que a artista encara o mundo e a arte. Diante dessa perspectiva, suas obras ganham uma profundidade
que são uma tocante materialização do seu estado mental.

obsessao-infinita-yayoi-kusama-ccbb-rio-de-janeiro-centro

 

Obsessão Infinita, de Yayoi Kusama
Quando: Visitação do público: de 22 de maio a 27 de julho de 2014.
Onde: Instituto Tomie Ohtake – Av. Faria Lima, 201 (Entrada pela Rua Coropés, 88) – Pinheiros, SP
Quanto: Entrada franca
Funcionamento: De terça a domingo, das 11h às 20h
Mais informações: (11) 2245-1900